Maceió/AL
Estamos em
+55 82 9 8727 1173
WhatsApp
contato@hakk.com.br
Envia sua mensagem

O que é serp e por que me importar?

O que é serp e por que me importar?

O que é serp e por que me importar?

O que é SERP e como isso pode afetar o posicionamento do meu site nos buscadores? Leia esse artigo e entenda um pouco mais essa métrica.

O que é o ranking SERP?

Classificação da SERP ou Resultados da página de resultados da pesquisa é a classificação da página ou basicamente a posição em que um site aparece na página de resultados da pesquisa.

Que tipos de ranking SERP existem?

Existem muitos tipos diferentes de SERPS, mas três categorias principais

 

SERPS Orgânicos – São os resultados naturais que o mecanismo de pesquisa selecionou como os mais relevantes para sua consulta de pesquisa e os mais úteis para o usuário.

SERPS Pagos – São pagos pelos proprietários do site e fornecem uma maneira fácil de pular o processo de seleção natural e se tornar mais proeminente para o pesquisador. Geralmente, há uma cobrança por cada clique que o anunciante recebe e o site disposto a pagar o máximo por clique conquistará a posição mais alta.

SERPS Contextuais – São gerados pelo contexto que as palavras-chave da pesquisa fornecem e podem vir de várias formas, como mapas, para uma pesquisa local, avaliações de hotéis para uma consulta relacionada a reservas, imagens para uma pesquisa relacionada visual ou até análises de negócios para uma consulta específica de serviço.

Serps Orgânicas

Os resultados nas buscas orgânicas são naturais, são os resultados mais relevantes para sua consulta de pesquisa e os mais úteis para o usuário, são usados basicamente os critérios de SEO implantados no site. Seu site precisa ter um excelente SEO para que apareça nas Serps Orgânicas, levando em consideração que você deve manter um design e layout agradável no seu site, caso você não queira fazer isso sozinho, você poderá optar por contratar Freelance Web Designer.

Por que a classificação SERP do meu site é importante?

Se você estiver veiculando um site, a maioria dos seus visitantes em potencial será fornecida pelos mecanismos de pesquisa e, quanto melhor for a sua classificação na SERP, mais visitantes você receberá.

Foi demonstrado em um grande número de testes de usuários, que apenas as três principais posições SERP obtêm mais de 35% do tráfego de pesquisa e 75% dos usuários nunca clicam além da primeira página.

Algumas estatísticas de pesquisa

  1. 93% das visitas a sites são referências de um mecanismo de pesquisa.
  2. 70% dos links nos quais os usuários pesquisam são orgânicos.
  3. 70-80% dos usuários ignoram completamente os anúncios pagos, concentrando-se simplesmente nos resultados orgânicos.
  4. 75% dos usuários nunca veem a primeira página dos resultados de pesquisa.
  5. O Google mostrou que 18% dos cliques vão para a primeira posição SERP, 10% dos cliques vão para a segunda posição e 7% dos cliques orgânicos vão para a terceira posição.
  6. O Bing afirma que 9,7% dos cliques orgânicos vão para o número 1, 5,5% para o número 2 e 2,7% para o número 3.
  7. Há mais de 100 bilhões de buscas sendo realizadas todos os meses em todo o mundo.

Como são geradas as classificações orgânicas de SERP?

Todos os principais mecanismos de pesquisa têm grandes quantidades de dados sobre os sites indexados e, para cada consulta de pesquisa, devem classificá-los de acordo com centenas de critérios diferentes para fornecer o que consideram os melhores e mais úteis resultados.

Eles deliberadamente não divulgam como seus métodos de classificação funcionam para impedir a manipulação e estão constantemente mudando ou ajustando o peso dos critérios para produzir resultados mais relevantes.

No entanto, ao longo de anos de estudo cuidadoso, a comunidade online conseguiu restringir os fatores mais importantes e influentes:

  • Pesquise palavras-chave ou termos relacionados ao título da página, tags de cabeçalho, tags de imagem etc.
  • Conteúdo relevante e original do corpo, incluindo palavras-chave ou termos relacionados à pesquisa.
  • Não otimizado demais com uma alta proporção de palavras-chave no site geral (entre 2 e 5% é o melhor).
  • Conteúdo suficiente para ser valioso – mais de 200 palavras são classificadas como aceitáveis.
  • A quantidade e a qualidade dos links recebidos usando as palavras-chave de pesquisa como texto âncora.
  • Rich media, como imagens ou vídeo, para melhorar a experiência do usuário

 

 Perspectivas

Os SERPs estão sendo continuamente adaptados às necessidades do usuário.

Eles continuarão a ser desenvolvidos ainda mais, principalmente devido à crescente importância do uso da Internet móvel.

É concebível que, quando alguém pesquisar usando um dispositivo móvel, aplicativos ou links para gadgets aparecerão no SERPs no futuro, não apenas resultados de sites.

Se você quer saber mais sobre SERP e como isso pode ajudar na sua estratégia de SEO, entre em contato conosco que teremos imenso prazer em ajudá-los.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *